NASA vai testar a plantação de batatas em solo de Marte

Quando colonizarmos o planeta Marte como vamos nos alimentar? Quando os primeiros humanos chegarem lá, mais cedo ou mais tarde, ficarão sem os suprimentos terráqueos e terão que se virar, certo? A NASA esta dando os primeiros passos para resolver esse problema, com plano de plantar batatas no solo marciano. O único detalhe é que isso não será feito em Marte.

Os pesquisadores pretendem usar o solo do deserto Pampas de La Joya, do Peru, que após estudos foi considerado idêntico ao do planeta vermelho. Então, os pesquisadores vão recriar a atmosfera do planeta no laboratório, incluindo os 95,32% de dióxido de carbono e 0,13% de oxigênio. Considerado a importância do dióxido de carbono na fotossíntese, é esperado duas ou três vezes mais produção de batatas que o normalmente alcançado na Terra.

É esperado que os experimentos para testar o conceito de “agricultura extraterrestre” eventualmente faça com que as batatas consigam se desenvolver diretamente no planeta Vermelho, num futuro não tão distante. Batatas são excelentes para proporcionar suficientes nutrientes para pessoas que não possuem muito acesso a comida, seja em outro planeta ou em um Estado pobre, por serem excelentes fontes de vitamina C, ferro, zinco e outros micronutrientes críticos.

“Vemos a ciências e metas educacionais e humanitárias de forma interligada. No processo de trabalhar juntos para estabelecer uma comunidade em Marte, nossos estudantes também estarão estabelecendo uma comunidade na Terra”, explica Melissa Guzman, astrobióloga da Nasa Ames.