Jovem dos EUA esfaqueia casal e come rosto de uma das vítimas

Parece história de terror, mas tudo isso aconteceu de verdade no último dia 16, na cidade de Tequesta, na Flórida. Austin Harrouff, de 19 anos, jantava com a família em um restaurante quando se irritou, saiu do restaurante e atacou duas pessoas a facadas. Entenda melhor a história!

Austin Harrouff

Segundo informações da polícia local, Austin não tinha antecedentes e era um bom menino – com bons resultados na Universidade Estadual da Flórida, onde estudava, e futuro no esporte, ele jogava futebol americano.

Ainda segundo a polícia local, acredita-se que Austin agiu sob efeito de drogas sintéticas, conhecidas como flakka (ou alpha-PVP), uma droga psicoativa retiradas da catinona, presente em arbustos do Oriente Médio. No entanto, os exames de sangue do rapaz deram negativo para cocaína e heroína.

As vítimas, John Joseph Stevens e Michelle Karen Mishcon, de 59 e 53 anos, respectivamente, foram atacadas na entrada da garagem, de frente de casa. Austin saiu do restaurante e caminhou por algumas quadras, até encontrar o casal. Segundo a polícia, eles não tinham relação e o ataque de Austin deve ter sido aleatório. Um vizinho que tentou ajudar o casal também foi esfaqueado, mas escapou com vida.

Austin Harrouff2

Quando a polícia chegou, Austin estava debruçado sobre o corpo de Joseph e arrancava pedaços do rosto do homem, com seus próprios dentes. Segundo os agentes, foi preciso apoio de cães, armas de choque,  e mais de 3 homens para afastar Austin do corpo e seda-lo.

Os agentes que atenderam ao chamado também dizem que Austin fazia sons semelhantes a grunhidos e gemidos animais, e que o estudante apresentava uma força fora do normal.

O caso segue sendo investigado. Austin se recupera no hospital, mas será indiciado. O casal deixou uma filha, Ivy Stevens. O vizinho se recupera bem dos ferimentos.

[news.au]